Blog a serviço da População


Mau tempo dificulta visualização do eclipse em Natal


O tempo nublado previsto para Natal se concretizou e dificultou a visualização do eclipe lunar mais longo do século. Os natalenses procuraram regiões de beira-mar, com horizonte livre, como a orla da praia de Ponta Negra para apreciar o fenômeno, mas muita gente se decepcionou.

Ana Maria Nunes, bancária de 38 anos, se frustrou. "Eu vim pra praia pra tentar ver melhor o eclipse, mas as nuvens não colaboraram e não deu pra ver quase nada", disse. O ponto alto do eclipse lunar foi às 18h13, quando ocorreu a fase total do alinhamento de Sol, Terra e Lua.

Apesar do tempo ruim, teve gente satisfeita com o que viu. "Não foi como eu esperava por causa do tempo nublado, mas mesmo assim deu pra ver a lua encoberta e estava muito lindo. Eu gostei", disse o publicitário Felipe Nascimento.

Outro lugar escolhido pelos natalenses para ver o eclipse foi o Parque da Cidade. O fotógrafo Ney Douglas foi ao local para registrar o fenômeno, mas teve que sair por causa do horário de funcionamento do local. "Estávamos eu e um grupo de turistas e fomos convidados a nos retirar porque o parque fecha às 18h. Eu acho que em um dia como hoje essas regras deviam ser flexibilizadas", disse. Apesar do imbróglio, ele conseguiu fotografar o eclipse na bairro Cidade Satélite.

A fase da penumbra do eclipse foi até às 20h30. A lua adquiriu um tom avermelhado, consequência de desvios provocados pela atmosfera do planeta. O eclipse pôde ser observado sem nenhum instrumento em vários pontos do país.

Postar um comentário

0 Comentários