Blog a serviço da População


Policiais civis do RN decidem paralisar atividades a partir desta quarta, 26

Em assembleia realizada na manhã desta segunda, 24, os policiais civis do Rio Grande do Norte decidiram paralisar suas atividades a partir da quarta, 26. As delegacias ficarão fechadas por tempo indeterminado em virtude dos atrasos salariais.
Durante a assembleia, os agentes e escrivães criticaram a falta de perspectivas para o pagamento dos salários por parte do Governo do Estado. Não há, por exemplo, informações sobre 13º de 2018, sendo que boa parte dos profissionais também não recebeu ainda o 13º referente ao ano de 2017. Ficou deliberado que, às 8h, todos os policiais civis irão para a Central de Flagrantes, em Natal. A partir de então, a categoria estará mobilizada por tempo indeterminado.
A categoria decidiu paralisar 100% dos serviços, iniciando a partir de quarta-feira, 26, a “Operação Zero.2”, já que em julho ocorreu a “Operação Zero”. “A categoria está bastante revoltada, porque o Governo anunciou o pagamento dos policiais militares e deixou de fora a polícia civil, agentes penitenciários e Itep, que também compõem a força de segurança do Estado”, afirmou Nilton Arruda, presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Rio Grande do Norte (SINPOL/RN). Com informações da Tribuna do Norte e do Sinpol/RN

Postar um comentário

0 Comentários