“Deu certo”, disse agente da PF ao anunciar a Lula sua liberdade


“Deu certo”, foi dessa forma que o agente da Polícia Federal anunciou ao ex-presidente Lula que ele teria de volta a sua liberdade. Após arrumar a bagagem, Lula se despediu dos policiais que o vigiavam e foi abraçado por uma funcionária do superintendente da PF.

Do lado de fora, o ex-presidente foi recebido por uma multidão do lado de fora onde, depois de entrar em contato com a militância, disse “me deu muita força, eu precisava disso”.

Neste sábado (9), Lula marcará seu retorno à política com um ato no Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo, após falar à militância, na saída do prédio, e emitir recados nas redes sociais.

Ainda em Curitiba, em discurso aos companheiros da Vigília Lula Livre, se posicionou contra a “ala podre” da PF, da Justiça e do Ministério Público e criticou a TV Globo, mas, nas redes, disse que não queria falar mal do presidente e de ministros. “Quero falar bem do povo”.

Diante da liberdade de Lula, deputados do PSL se organizam a tentativa de obstruir as atividades da Câmara “até que votem a PEC da 2ª Instância”.

Postar um comentário

0 Comentários