Rio Grande do Norte fecha 2019 com mais de 1.440 crimes


O Rio Grande do Norte deve fechar 2019 com a marca de mais de 1.440 assassinatos. Até o começo da manhã desta terça-feira (31), 1.442 pessoas já tinham sido mortas em todo o estado no decorrer deste ano. Somente no mês de dezembro, já eram 128 assassinatos no território potiguar; Natal e Mossoró lideravam o ano com 283 e 220 crimes, respectivamente. Os dados são de um balanço divulgado pelo Observatório da Violência (OBVIO) no começo da manhã de ontem. O levantamento dá conta de que 2019 teve 521 assassinatos a menos do que 2018. Quanto aos tipos de crimes, os homicídios dolosos lideraram. Mas, também tiveram casos de mortes por intervenção policial e de roubos seguidos de mortes, os latrocínios. As mulheres também foram alvos da violência neste ano no estado. O Obvio registrou 102 mulheres mortas em 2019, sendo 21 crimes motivados por violência doméstica e/ou de gênero, os chamados feminicídios. No mesmo período do ano passado, foram 108 mulheres mortas no geral e 30 feminicídios.

Postar um comentário

0 Comentários